Publicado em Resenhas

Por lugares incríveis – Jennifer Niven

Alguns dos lugares incríveis pelos quais já percorri em busca de mim mesma e que, de uma forma ou outra, também me salvaram.

Sometimes I feel like I don’t know
Sometimes I feel like checkin’ out
I want to get it wrong
Can’t always be strong
And love it won’t be long

— Ultraviolet – U2.

——
[Este post pode conter gatilhos]
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Por lugares incríveis é um livro sobre a ânsia de viver e morrer; sobre a inquietação de não saber se se quer o primeiro ou o segundo.
Porque, veja bem, quando se tem transtornos de ordem mental e/ou psicológica, esse tipo de sentimento está sempre presente e de forma extremamente aguçada.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Vemos isso tudo em Finch, um garoto que vive analisando a melhor forma de morrer e que, numa dessas “análises”, acaba encontrando alguém que também prefere pular de uma torre a lidar com as dores que a vida proporciona. Violet se torna o seu raio ultravioleta, enquanto Finch se torna a cola dos pedaços de Violet que ficaram espalhados juntamente com os para-choques e vidros estilhaçados na estrada em que sua irmã morreu.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Unidos por um projeto das aulas de geografia, Finch e Violet saem em busca dos lugares incríveis de Indiana, descobrindo o amor em comum por literatura e pela arte em geral, citando Virginia Woolf um para o outro de forma que, talvez, só um amante de Woolf consiga ver a profundidade do que eles realmente estão dizendo.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Já li duras críticas a Niven sobre a “irresponsabilidade” de escrever esse tipo de história para um público jovem, mas o que tenho a dizer sobre isso é que não poderia discordar mais. Queria gritar na cara da sociedade que não é só em setembro que temos que dar valor à vida, que não falar sobre assuntos assim com adolescentes é uma forma de alimentar o estigma. Vou completar a minha linha de raciocínio com um relato muito pessoal: sou uma pessoa propensa ao suicídio. No entanto, o que me fez soluçar de chorar durante o livro não foram os possíveis gatilhos, nem o que alguns viram como incentivo ou romantização. O que me fez soluçar de chorar foi pensar nas pessoas todas que ficam para trás e o mal – o efeito dominó – que a perda de uma pessoa para o suicídio pode causar. E é, sim, bem verdade que, na hora em que a morte parece ser a única opção para nós, não pensamos em mais nada e em mais ninguém. Mas o livro plantou uma semente aqui dentro – como a semente de Violet – que pode, sim, ajudar em crises futuras. Se essa semente for plantada em todos os que lerem esse livro, diria que Niven está ajudando a salvar muitas vidas, e não o contrário.

—-
O livro foi publicado no Brasil pela editora Seguinte e traduzido por Alessandra Esteche. Quem tiver interesse em comprar, ele está disponível aqui.

Autor:

Leitora assídua, tradutora, intérprete (sim, são duas coisas diferentes), bookstagrammer, escritora em construção. Hipérbole é meu nome do meio.

12 comentários em “Por lugares incríveis – Jennifer Niven

    1. Eu acho que é normal não sentir muita vontade haha. Eu mesma comprei pelo hype quando saiu e só li agora por conta do hype também. Eu acho que é um livro que vale a pena se você algum dia tiver vontade. Talvez te toque de maneira diferente dependendo da história de vida, mas eu chorei demais e foi aliviante, de certa forma. Muito obrigada por ler e comentar ♥️

      Curtir

  1. É isso, exatamente isso. Concordo com tudo. E se formos considerar que a autora usa as próprias experiências pq também teve alguém que amou e não aguentou essa pressão, acho mesmo que a semente pode ajudar e muito na hora que a cabeça grita sem parar.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Nossa, nem fazia ideia que você tinha uma perspectiva muito pessoal sobre o assunto. Eu fiquei sabendo mesmo que o livro tem gatilhos e pra não se enganar com o título bonitinho e com o público alvo pretendido. Mas acho assim como você muito importante tratar do assunto em livros escritos para adolescentes e jovens. É uma fase com muitas mudanças e algumas causam realmente muitas perturbações que ngm fala a respeito. Ignorar não é a solução. Fiquei super curiosa pra ler, por causa das referências a Virginia Woolf. Obrigada por abrir seu coração nessa resenha. Beijos.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Eu que agradeço muito por ler e por comentar. Às vezes é difícil a gente se abrir dessa forma, mas nada melhor do que falar pra que mais pessoas entendam o que passamos. Sobre a leitura, as referências a Woolf são muito interessantes porque dão uma camada extra à narrativa. Quem sabe do que fala “As ondas” e de alguns acontecimentos do livro, talvez absorva melhor e já entenda para onde a história se encaminha. Recomendo mesmo! Se algum dia ler, me conte ♥️. Beijos!

      Curtir

  3. Oi Nane! Eu vi que estava todo mundo comentando o filme, mas não havia lido nada muito aprofundado na história e, depois da sua resenha, acho que vou ver o filme antes de ler o livro. Talvez nem chegue no livro, porque também tenho minhas tendências, e não consigo o mesmo distanciamento da leitura como consigo das telas. Que bom que o livro te ajudou de alguma forma ❤

    Curtido por 1 pessoa

  4. Que resenha incrível, Nane! ❤ Também li e senti esse livro com uma perspectiva bastante pessoal, pois a questão do suicídio é algo que, ao mesmo tempo em que às vezes passa rapidamente, retorna com igual velocidade pra mim. E sou da mesma opinião que você: não achei irresponsabilidade da autora em tratar do assunto da forma como tratou, muito pelo contrário. Essa foi uma leitura que me ajudou num momento que eu nem mesmo sabia que precisava e que acredito que seja muito importante de ser feita por várias pessoas, inclusive jovens, que ainda enfrentam muito esse estigma de que "precisam estar sempre bem, pois a vida é tão fácil pra eles". Mas não é. Seguirei recomendando esse livro (assim que eu tomar coragem de fazer uma resenha) e o levarei comigo sempre 🙂

    Curtido por 1 pessoa

  5. Que resenha linda! Adoro quando a emoção da pessoa pode ser percebida no texto. Eu gostei do filme e fiquei com vontade de ler o livro, o que só aumentou com as suas palavras! Obrigada por compartilhar! 🌻

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s